03 março 2017

Resenha do livro Para Onde Ela Foi, de Gayle Forman

03 março 2017
Depois que terminei Se Eu Ficar fiquei MUITO curiosa para saber o que iria acontecer na vida da Mia, da família dela, e do Adam. Bem, eu terminei o primeiro livro com uma sensação de "está faltando alguma coisa..." e Para Onde Ela Foi não atendeu minha curiosidade mas me surpreendeu bastante. O drama de Gayle Forman prevalece e se torna muito mais explícito nesse livro, não que isso faça o livro ficar ruim, ao contrário, Para Onde Ela Foi consegue ser bem intenso e com um drama muito real.



Editora:  Novo Conceito

Gênero: drama/ romance

Número de páginas: 224                                            

Valor estimado: Entre R$20,90 á R$27,90

O livro é narrado pelo Adam e achei isso muito legal porque a gente acaba sabendo as coisas na versão dele e percebemos também, o jeito que ele vê o mundo e a maneira que o Adam se comporta diante das situações.

Ele conta ao longo do livro as coisas que aconteceram com  Mia depois do acidente mas de uma maneira muito rasa. Eu acho que essa parte deveria ser bem mais detalhada pela autora porque ela explicou os fatos na versão do Adam de uma maneira muito superficial, como se ele não se importasse muito com tudo aquilo, como se fosse algo previsto.




Depois que Mia foi para NY, o grande sonho dela, ela e Adam não continuaram a namorar e não, não foi só distância que prejudicou o relacionamento que eles tinham. Ela estava sentindo um pouco de "raiva" do Adam porque foi ele que convenceu ela a ficar e , é muito difícil você superar a morte dos pais e dos seus irmãos, ainda mais quando você sabe que tinha a opção de partir junto com eles e eu até entendo a Mia mas acho que foi meio infantil jogar essa "culpa" no Adam que logo percebe o vácuo que há entre eles e se afasta, o que ela faz aos poucos.

Após 3 anos, Adam se vê como um astro do rock e Mia como um grande prodígio do música clássica. O acaso uni os dois e a partir daí, eles conversam e começam a acertar as coisas do passado.

Para Onde Ela Foi é um livro muito intenso e cheio de drama, só que senti falta de descrição, de detalhes, é como se faltasse alguma coisas... Enfim, indico para quem gosta de livros assim e para quem leu Se Eu Ficar, mas principalmente para quem leu o primeiro livro que tenho certeza, despertou uma curiosidade.


Trecho favorito:  Toda manhã eu acordo e digo a mim mesmo: é apenas um dia, um período de vinte e quatro horas para passar. Não sei quando exatamente eu comecei a me dar esse autoestímulo diário - ou por quê.

Comente com o Facebook:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Todos os Direitos Reservados

Design & Desenvolvimento