13 fevereiro 2017

Resenha do livro O Mensageiro de Lois Lowry

13 fevereiro 2017
Editora:  Arqueiro

Gênero: Ficção científica/ distopia/ drama

Número de páginas: 153

Valor estimado: Entre R$15,00 á R$25,00

Aonde encontrar: Leitura, Saraiva e Site Submarino


Sinopse: Matty (sim, do livro A Escolhida) mora em um pacato Vilarejo, sob os cuidados de Vidente, um cego que tem uma visão especial. O Matty amadureceu e agora é um jovem que espera receber seu nome verdadeiro, que determinará o seu valor.

Entretanto, algo nefasto acontece o Vilarejo: os moradores antes gentis e educados uns com os outros, querem fazer uma fronteira para se protegerem dos forasteiros que chegam desesperados por ajuda.

Como Matty é conhecido por entregar mensagens pelo Vilarejo e por ter muita facilidade de andar pela Floresta, ele é encarregado de avisar os outros povoados sobre o bloqueio. Sua missão também tem outro grande objetivo: buscar Kira, a filha do Vidente, antes que seja tarde demais.

A Floresta já provocou algumas mortes e ela anda passando por muitas mudanças e está aos poucos se tornando um lugar perigoso. Armado apenas com o poder descoberto a pouco tempo, ainda incompreensível e incontrolável, Matty se arisca a fazer o que talvez, seja sua última viagem.



 Opinião: Logo que eu vi na livraria esse livro, não hesitei a comprar. O Doador é uma série que amo muito e considero uma das minhas preferidas. Sabe aqueles livros cheios de criticas sociais, metáforas que nos faz pensar e personagens impactantes?

Eu adorei a forma que Lois Lowry juntou O Doador De Memórias com A Escolhida. Nesse livro, ficamos sabendo das coisas que aconteceram na vida de Kira e Jonas. Isso pode ser um spoiler disfarçado mas, Matty surge para unir os dois, unir as duas histórias.

A narrativa é muito envolvente e o livro é muito bem escrito, super direto e com acontecimentos acelerados, Lois Lowry só me fez ficar mais ansiosa para o próximo (e último) livro da saga.

Trecho favorito: "Então, para sua surpresa, começou a chorar. Matty tinha um orgulho infantil, de menino,  do fato de nunca chorar. Mas chorou agora, e era como se estivesse sendo levado pelas lágrimas que escorriam pela face, como se seu corpo precisasse se esvaziar."

Já conhece a série O Doador? Se sim, qual o seu livro favorito? Se não, ficou curioso pela história? Para ler a resenha de A Escolhida clique aqui e para ler a resenha de O Doador De Memórias aqui.

Comente com o Facebook:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Todos os Direitos Reservados

Design & Desenvolvimento